Separação do lixo será um dos temas do Qualifeira - Correio do Síndico

Home Top Ad

ANUNCIE AQUI

1 de julho de 2016

Separação do lixo será um dos temas do Qualifeira

Circuito de cursos e palestras leva treinamento a feirantes do Núcleo Bandeirante, do Riacho Fundo I, do Riacho Fundo II e de Taguatinga durante julho e agosto

Foto: Pedro Paulo.
Feirantes de quatro regiões administrativas receberão orientações sobre legislação, boas práticas de alimentos, gestão ambiental, separação correta do lixo durante os meses de julho e agosto. As palestras fazem parte do Qualifeira, um programa de capacitação promovido pela Secretaria de Gestão do Território e Habitação. Durante oito semanas, o projeto passará pelo Núcleo Bandeirante, Riacho Fundo I, Riacho Fundo II e Taguatinga

O circuito começará em 11 de julho, às 19 horas, no Riacho Fundo II com um treinamento sobre boas práticas no manuseio dos alimentos. Na semana seguinte, em 18 de julho, o Riacho Fundo I receberá o Qualifeira e a palestra, com o mesmo tema dado na região vizinha, será às 15 horas. Em 25 de julho, o serviço será voltado para os feirantes de Taguatinga que, a partir das 15 horas, apreenderão sobre gestão ambiental, descarte ideal de lixo e legislação de feiras.

Investimento na qualidade e no rendimento do trabalho dos feirantes
O Núcleo Bandeirante encerra a programação do mês de julho com a palestra sobre descarte de resíduos nas feiras, no dia 27, às 15 horas. Em 1º de agosto, a Qualifeira volta a Riacho Fundo II, às 19 horas, para auxiliar na separação para a coleta de lixo. O último dia do circuito será em 29 de agosto, às 15 horas, em Taguatinga, quando a segurança nas feiras e os cuidados com os alimentos volta ser o tema do encontro.

De acordo com o subsecretário de Ordenamento das Cidades, Marlon Anderson Costa, o objetivo do programa é oferecer aos feirantes aulas e debates para melhorar a qualidade e o rendimento do trabalho. “A ideia é dar esclarecimento sobre as ações feitas nas feiras, desde ensinar a legislação até como descartar o lixo.”

De acordo com Costa, serão oferecidos cursos e palestras para capacitação. Caso o feirante tenha interesse no Qualifeira, deverá comunicar à associação dos feirantes do local. Em seguida a associação terá de apresentar o interesse à administração regional, que fará o contato com a Secretaria de Gestão do Território e Habitação.